Mastoplastia e mastopexia (redução e suspensão das mamas)

 

Mastopexia , lifting, ou elevação da mama é uma técnica que pretende a modificação da posição da mama, e pode ser realizada isoladamente ou associado com as outras técnicas. Um outro motivo para a utilização destas técnicas é a correção de assimetria entre as duas mamas. Os problemas estéticos com as mamas podem seguir tendências genéticas, ou serem adquiridos pelo processo de envelhecimento ou seguindo gestações.

Nos anos recentes, se observou uma rápida e marcante diferença no Brasil, quando as mulheres começaram a solicitar aumento da mamas, não nas proporções americanas, mas em volumes inimagináveis na década anterior. O que era defeito passou a ser aspiração. Entretanto existem mulheres que estão satisfeitas com o volume de suas mamas e querem apenas que a PTOSE (queda) seja corrigida. Outras mulheres têm mamas muito grandes e desproporcionais, levando em alguns casos a sentirem até dores devido ao peso na mama nestes casos a Mamoplastia redutora tem indicação. Mesmo mulheres que não chegam a ter dor, podem solicitar diminuição do tamanho da mama se assim se sentirem melhor.

É preciso ter muito cuidados, e não propor ao cirurgião exageros nestas técnicas de correção, prevendo a sazonalidade da moda, que muda rapidamente seguindo a velocidade do processo de comunicação da aldeia global.

Com o passar dos anos, fatores tal como gravidez, amamentação, e a força de gravidade criam um custo para a forma dos seios da mulher. Enquanto a pele perde sua elasticidade, os seios freqüentemente perdem sua forma e firmeza e começam a cair. O lifting do seio ou mastopexia é um procedimento cirúrgico para levantar os seios e recuperar sua forma. Nenhuma cirurgia pode permanentemente controlar os efeitos da gravidade, mas por muito tempo pode manter os resultados. Associando o procedimento ao uso de próteses, os resultados podem ser mantidos por mais tempo. A Mastopexia pode também reduzir o tamanho da aréola, a pele mais escura que cerca o mamilo. Se os seios são pequenos ou perdeu volume, por exemplo, depois da gravidez, o implante de silicone inserido em conjunção com o lifting / mastopexia pode aumentar ambos, a firmeza e o tamanho dos seios.

Os resultados melhores normalmente são alcançados em mulheres com seios pequenos com pouca queda. Os seios de qualquer tamanho podem ser levantados, mas os resultados duram mais em seios pequenos, porque pesam menos e sentem menos os efeitos da gravidade.

Na maior parte das cirurgias é utilizada a anestesia geral, mas a técnica de anestesia local com sedação também pode ser utilizada em casos selecionados.

O Lifting da mama leva de 2 a 4 horas. As técnicas variam, mas o procedimento mais comum envolve uma incisão em âncora seguindo o contorno natural dos seios.

A incisão delineia a área em que a pele do seio será removida e define a nova localização para o mamilo. Quando a pele em excesso foi removida, o mamilo e aréola são movidos a uma posição mais alta. A pele que cercava a aréola é então trazida para baixo e se reesculpe o seio. Os pontos normalmente são localizados ao redor da aréola, numa linha vertical que se estende para baixo da área de mamilo, e ao longo do sulco inferior do seio.

Alguns pacientes, especialmente os que possuem seios relativamente pequenos e quedas mínimas, podem ser candidatos para procedimentos modificados que requerem incisões menos extensas. Através de incisões menores realizadas a partir da aréola

Um implante pode ser inserido ou não dependendo da técnica utilizada e da vontade do paciente e da indicação do cirurgião.

 

Usuários Top 3

Usuários Online

0 usuários e 8 visitantes online